Skip to main content

Treinador de wrestling do Time Wanderlei, Renato Babalu

O time azul do TUF Brasil, comandado por Wanderlei Silva, conta com um treinador de destaque. Renato Babalu não é apenas um especialista em várias áreas do MMA, é um dos grandes astros da modalidade, com 36 triunfos e nove derrotas em passagens marcantes pelo Japão e eventos como UFC e Strikeforce, onde foi campeão meio-pesado.  

Em julho de 1975, nasceu - no Rio de Janeiro - Renato Sobral. Não demorou e Babalu deu seus primeiros passos rumo às artes marciais. Seus primeiros ídolos nesta fase da vida já eram os lutadores. "Comecei a praticar quando tinha 11 anos por causa do Bruce Lee!", conta.  

A formação de Babalu como lutador proporcionou o conhecimento de diversos estilos de luta, o que faz do treinador do Time Wanderlei um especialista nos diversos quesitos do MMA. Ao decorrer da carreira, Babalu passou por modalidades como luta livre, muay thai, wrestling e jiu-jitsu, entre outras. Mestres renomados como Marco Ruas, Carlos Gracie Jr. e Rafael Cordeiro lapidaram seu jogo. Além do MMA, Renato teve boas participações em eventos de grappling, jiu-jitsu e wrestling, por exemplo.
 
No MMA, Babalu fez a primeira luta em 1997 e chegou a acumular 12 triunfos seguidos. Entre os adversários que venceu, o próximo desafiante pelo cinturão peso médio Chael Sonnen, que enfrenta Anderson Silva pela segunda vez em julho, e o ex-campeão do Pride e UFC Maurício Shogun, ambos finalizados por estrangulamento. Aliás, finalizar é uma das suas grandes virtudes. São 18 vitórias assim no cartel, contra cinco por nocaute. Babalu já participou de eventos no formato de grand prix, tendo feito até três lutas numa mesma noite; encarou pedreiras como Dan Henderson e Fedor Emelianenko; passou por momentos polêmicos na carreira; e agora é um dos treinadores na primeira edição do reality show do UFC no Brasil. Dentro da casa do TUF, Babalu demonstra seu apurado wrestling, responsável por grandes feitos no Brasil, como da vez que tirou a invencibilidade de 12 anos do atleta Olímpico Antoine Jaoude. Enfim, tem experiência de sobra para passar aos representantes do Time de Wanderlei Silva. "Vou poder mostrar um pouco de tudo a esse pessoal", comenta.  

Nos últimos anos, Renato tem se encontrado bastante com Wanderlei. Ambos costumam se preparar juntos para os desafios e criaram forte amizade. Se nos primeiros episódios do TUF o Time Azul ainda não conseguiu vencer, o fator união pode ser um diferencial na busca pela virada. 

"O Wand é um herói nacional e uma pessoa super boa de trabalhar, com muita seriedade. Tudo fica fácil e divertido por causa da humildade e do companheirismo que ele transmite", finaliza.