Skip to main content

Paulo Thiago agressivo para fazer as pazes com a vitória

Vindo de duas derrotas seguidas, o policial terá um estreante perigoso pela frente, mas quer sair vitorioso do Octógono a qualquer custo

PT nocauteando na estreiaUm dos lemas dos policiais do Bope, Batalhão de Operações Especiais da Policia Militar, é jamais desistir. É dessa forma que o caveira Paulo Thiago chega ao Octógono em Jaraguá do Sul, para o UFC no Combate 2 – Belfort x Rockhold, no próximo sábado. Tendo perdido quatro das últimas cinco lutas, com dois reveses seguidos, Paulo tem toda a pressão sobre os ombros contra o estreante em UFCs Michel Prazeres, que faz jus ao apelido Trator, passando por cima de seus 16 adversarios e se mantendo invicto no MMA. Mas, entre as qualidades do policial, além do bom boxe, está a frieza nos momentos mais difíceis. O lutador não pensa em nada além da vitória.

“Posso falar que vou bem preparado para esta luta. Sei da pressão, mas estou com sede de vitória. Garanto que vou buscar isso a qualquer custo, lutarei agressivamente”, avisa Paulo Thiago, confiante.

Para reencontrar os melhores momentos, Paulo Thiago mudou de ares. Deixou de lado Brasília, onde sempre concluiu os treinamentos, e partiu para o reduto de campeões como Anderson Silva, Rafael Feijão, Ronaldo Jacaré e Erick Silva e de treinadores como Rogério Camões e Josuel Distak.

Fiz a preparação toda no Rio de Janeiro. Vim de Brasília para a XGYM, e foi ótimo. Trabalhei com grandes treinadores e ótimos parceiros de treino. Estou muito confiante para este desafio.”

Pela frente, um oponente que jamais experimentou o gosto da derrota e chega ao UFC sem a responsabilidade do rival. Trator tem ao seu lado o forte jogo de finalizações, tendo vencido oito vezes dessa forma, mas com apenas um nocaute. Paulo Thiago não esconde que o melhor caminho deve ser mesmo a trocação, o que já garantiu a ele vitórias contras lutadores consagrados como Josh Koscheck e Mike Swick, que antes de ser finalizado sentiu o peso dos punhos do brasiliense.

"Ele tem um ótimo retrospecto, está invicto, numa série de 16 vitórias. É um cara que tem bom volume de quedas e também trabalha muito bem no chão”, disse Paulo Thiago. “Mas nos preparamos para isso também, estou pronto para o jogo dele.” Comenta o caveira, que também não descarta as habilidades do adversário na trocação. “Sei que ele troca bem também, mas acredito que queira me levar para o chão. Minha intenção é manter a luta em pé e procurar o nocaute. Mas, se for preciso, meu jiu-jitsu também está afiado.”

Outro motivo que dá confiança a Paulo Thiago é o corte de peso. Um dos momentos mais sacrificantes para os lutadores, o corte correto pode ser definitivo para uma boa luta e, consequentemente, para a vitória. Neste sentido, tudo indica que o veteran do UFC não vai ter problemas com a balança na próxima sexta-feira.

“Foi a melhor de todas as vezes. Fizemos um trabalho perfeito neste sentido e estou ótimo, será bem tranquilo bater o peso e estarei forte no dia da luta.

O canal Combate vai transmitir o UFC no Combate 2 – Belfort x Rockholdao vivo, com exclusividade, a partir das 17h30m (de Brasília) deste sábado (18 de maio).