Article

Os Melhores em 2010 - Os nocautes

Nossa lista extra-oficial continua abaixo...
Se há uma coisa que nunca falta no UFC, é um vasto leque de nocautes espetaculares. E claro, isso faz essa categoria de prêmios extra-oficias ser a mais difícil na hora de montar nossa lista. Mas aqui está uma seleção de nocautes na temporada 2010. Opine sobre seu nocaute preferido no twitter, facebook ou nos comentários dessa lista.    
    
10 - Gomi renasce com um KO sobre Griffin    
Sim, todos nós sabemos que o ex-campeão leve do PRIDE Takanori Gomi pega pesado com as luvas pequenas, mas depois de compilar um 4-2 no Japão após o seu no contest de 2007 contra Nick Diaz e uma derrota por finalização para Kenny Florian em sua estréia no UFC, os fãs se perguntavam: algum dia veremos Gomi em forma de 'Fireball Kid' novamente. A resposta? Um nocaute sobre Tyson Griffin, um lutador que os fãs nunca viram tomar um knock down no UFC, e muito menos ser nocauteado. Mas quando a mão direita conectou na cabeça, enviou Griffin de rosto no chão e a estrela Gomi estava em ascenção novamente.    
    
9 - Saque rápido de Condit termina a noite para o 'The Outlaw'    
As provocações estavam aquecidas, como normalmente estão nas lutas de Dan Hardy, e quando a campainha tocou na O2 Arena, em outubro passado, ficou claro que nem o 'Outlaw' de Nottingham e nem Carlos 'The Natural Born Killer' Condit iam se contentar com uma vitória por decisão. Estes dois meio-médios foram em busca de sangue, e no minuto final do round de abertura, ambos os lutadores buscaram terminar a luta com ganchos de esquerda. Condit chegou ao objetivo uma fração de segundos antes e apagou as luzes em Londres.    
    
8 - Rich Franklin interrompe o retorno de Chuck Liddell    
A luta principal do UFC 115 foi uma das difíceis para os fãs assistirem, principalmente porque dois dos mais amados atletas da organização estavam se enfrentando, tornando quase impossível escolher apenas um lutador para torcer. Mas, enquanto durou, os ex-campeões Franklin e Liddell foram para a guerra, com Franklin lutando com um braço quebrado por um chute de Liddell, o embate manteve um ritmo intenso até a direita de Franklin  encontrar o queixo de Liddell. Tudo isso no primeiro round.    
    
7 - Cain Velasquez nocauteia 'Minotauro' Nogueira   
Foi um encontro de gerações no UFC 110, em fevereiro, quando o invicto contendor pesado Cain Velasquez derrotou a lenda do MMA 'Minotauro' Nogueira no primeiro assalto. O que foi realmente impressionante sobre a vitória não foi só Velasquez derrubando o durável ex-campeão do PRIDE e do UFC em um único round, mas ele fez isso com um jogo em pé preciso pontuado por uma combinação de três golpes que foram ouvidos em toda Acer Arena, em Sydney, Austrália.    
    
6 - O bate-estacas de Harris   
Por dois rounds, a luta entre as perspectivas médias Gerald Harris e Dave Branch não empolgou. Mas no terceiro, Branch de New York tentou fazer algo acontecer, puxando para a guarda, na esperança de encaixar um triângulo. Harris, ciente da aproximação do perigo, optou por erguer Branch acima da sua cabeça e arremessá-lo no chão. Missão cumprida, 'Hurricane' não apenas se livrou da tentativa de finalização, ele nocauteou Branch, ganhando uma vaga nos momentos de destaque da ESPN na semana.

5 - Garza anuncia chegada com KO assustador sobre Fredson  
É um movimento que você vai ver em praticamente todos os eventos do UFC, mas raramente - ou nunca - tem resultados tão devastadores. Diante do às do jiu-jitsu Fredson Paixão, o novato no UFC Pablo Garza fez o que muitos lutadores fazem quando seu adversário tenta uma queda: ele foi para acertar Fredson com uma joelhada. Porém naquela noite, em Las Vegas, Garza fez o movimento cirgurciamente correto e pegou o brasileiro em cheio, fazendo Fredson cair apagado instantâneamente. Após alguns assustadores minutos, o manauara radicado em Las Vegas se levantou e saiu do octógono com suas próprias forças, mas foi um lembrete que este é um esporte de contato.    
    
4 - Mike Russow espanta Todd Duffee    
Não foi um nocaute de sete segundos como o que ele conseguiu em sua estréia no UFC contra Tim Hague no ano passado, mas Todd Duffee estava no caminho de mais uma vitória no octógono quando enfrentou Mike Russow no UFC 114 em maio. Entretanto nada está garantido neste esporte até que a luta acabe, e Duffee aprendeu essa lição da maneira mais difícil. Russow tirou um direita do nada na etapa final e derrubou Duffee na marca de 2:35, deixando todos na MGM Grand Garden Arena atônitos.    
    
3 - Penn repete KO sobre Uno diante de Hughes    
O nocaute de 11 segundos que BJ Penn impôs em Caol Uno na primeira luta dos dois em 2001, foi um momento marcante na carreira do 'The Prodigy'. E mesmo conseguindo dois títulos e grandes coisas nos últimos anos, você se perguntava se veria esse garoto havaíno fazendo isso de novo. Em novembro, ele apareceu em Auburn Hills, Michigan, e em apenas 21 segundos, concluiu sua trilogia com Matt Hughes de uma forma que ninguém esperava. Penn ainda coroou a vitória com uma corrida por fora do cage, similar àquela feita quando derrotou Uno nove anos atrás. Foi um renascimento para Penn, e uma prova do que ele era capaz depois dos altos e baixos no octógono.    
    
2 - 'Shogun' Rua despacha Lyoto Machida pelo título  
É o que não cansam de dizer no MMA, "não deixe na mão dos jurados". Bem, depois de uma derrota controversa após cinco rounds em sua primeira disputa de título contra Lyoto Machida em outubro de 2009, Mauricio 'Shogun' Rua colocou essa frase no coração no UFC 113 em maio e separou 'The Dragon' de seu cinto de campeão e da coluna da invencibilidade com um direto de direita seguido por uma furiosa série de socos.    
    
1 - E o novo ... Velasquez destrona Lesnar    
Quando se trata de estética, o KO de Velasquez  sobre Minotauro foi mais notável, mas quando estamos falando de impacto - tanto agora quanto para a história do UFC - não houve nocaute mais significativo este ano do que o de Velasquez para cima de Brock Lesnar pelo título dos pesados do UFC. Após Lesnar derrotar Shane Carwin, a conversa era que se o invicto Velasquez colocasse o grandão de Minnesota em adversidade parecida, ele teria gás para terminar. E foi exatamente isso que Velasquez fez, evitando um pequena pressão inicial de Lesnar, ele machucou o campeão e depois acabou com ele em 4:12 do round de abertura. Foi chocante para os fãs casuais, mas para aqueles que tinham acompanhado a carreira de Velasquez e ouviram os especialistas falarem muito bem dele durante anos, foi apenas uma coroação à espera de acontecer. A primeira defesa do novo campeão será em 2011 contra o rei brasileiro dos nocautes, Júnior 'Cigano' dos Santos, em uma luta que pode acabar na lista do próximo ano dos melhores nocautes, independentemente do homem cuja mão será levantada ao final do combate.    
  
Menção Honrosa: Stefan Struve-Christian Morecraft, Junior Dos Santos-Gilbert Yvel, Frank Mir-Mirko Cro Cop, Paul Daley-Dustin Hazelett, John Howard-Daniel Roberts, Jon Jones-Brandon Vera, Matt Serra-Frank Trigg, Edson Barboza-Mike Lullo  

Media

Recent
Welcome to the first installment of the UFC Minute! Host Lisa Foiles reviews some of the UFC's biggest stories and looks ahead at what is in store for the rest of the day.
Jul 30, 2014
At UFC 125, Brad Tavares lets his hands and knees fly against Phil Baroni, looking to make it a quick night in the Octagon. See Tavares take on Tim Boetsch at UFC Fight Night Bangor.
Jul 29, 2014
Nick Diaz is back in the UFC and he sat down with UFC.com for an exclusive interview. Hear him talk about a potential fight with Anderson Silva, how he got into fighting and much more.
Jul 28, 2014
Light heavyweight prospect Ryan "Darth" Bader uses his movement and speed as he takes on hard-hitting Rampage Jackson at UFC 144. Watch Bader go up against Ovince Saint Preux at UFC Fight Night Bangor.
Jul 28, 2014